Vasco rescinde com mais um jogador do Expressinho



Mayron é cria da base do Bahia (Foto: Divulgação)

Montado ainda na gestão de Eurico Miranda, aos poucos o Expressinho do Vasco vem sendo desfeito.

Além de contar com alguns atletas que sequer assinaram contrato com o clube antes da viagem ao Vietnã – caso dos irmãos Alan Machado (jogador com passagem pela base do Cruz-Maltino e pelo São Paulo) e Aílton Machado, ex-Santos (sub-23), por exemplo -, onde a equipe ficou com o 2º lugar na BTV Cup, outros jogadores que acertaram vínculo estão de saída.

Nesta quinta-feira, foi publicada no Boletim Informativo Diário da CBF a rescisão com o meia Mayron, ex-Bahia e Audax-RJ. O jogador havia feito um contrato de três meses com o time de São Januário – até o fim de março. O apoiador fez apenas uma partida pela equipe, entrando no 2º tempo do amistoso com o Barra Mansa, em dezembro, vencido pelos vascaínos por 3 a 0.

Em janeiro, outro atleta contratado para o Expressinho já havia deixado o clube. O atacante Rogélio Balotelli, de 30 anos, encerrou sua passagem pelo Vasco um mês após a sua chegada. O centroavante agora defende o Altos, do Piauí.



MaisRecentes

Bruno César não é Maxi López



Continue Lendo

Sub-20 do Vasco poderá superar o desempenho do time de 2010, que revelou Allan e Luan



Continue Lendo

A Martín o que é de Martín



Continue Lendo