Os reforços ‘italianos’ do Vasco



Maxi López é uma das novidades no Vasco (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

Não tem sido comum no Vasco a chegada de reforços vindos dos principais países da Europa, já falei sobre isso aqui em uma coluna na semana passada. Oriundos da Itália, esse número é ainda mais escasso.

Com as chegadas de Leandro Castán, ex-Cagliari, e Maxi López, ex-Udinese, fui atrás do histórico de todos os jogadores contratados pelo Cruz-Maltino em sua história, que tenham vindo diretamente do futebol italiano. E encontrei, além da dupla recém-chegada, outros 13 atletas que fizeram a linha direta entre Itália e São Januário.

Confira a reportagem no vídeo abaixo:

Ps: Faltou no vídeo, mas fica aqui a menção honrosa aos irmãos Fantoni, Niginho e Orlando, que fizeram parte da leva dos primeiros brasileiros que atuaram na Itália. E ambos também defenderam o Vasco, porém, sem fazer essa ligação direta entre os países. Niginho, cinco anos mais velho, chegou ao clube após passar por Cruzeiro – onde surgiu e fez história -, Lazio e Palmeiras, sendo a equipe paulista a anterior ao Vasco. Já Orlando, por sua vez, chegou à Colina ainda jovem, em 37, com apenas 21 anos de idade, logo após despontar na equipe mineira que também revelou seu irmão. Sua ida para a Itália aconteceria somente na década de 40, também vestindo a camisa da Lazio.

Youtube: Canal do Garone
Twitter: @BlogDoGarone
Facebook: /BlogDoGarone
Instagram: @BlogDoGarone



MaisRecentes

Mais do que casa, São Januário é a arma do Vasco



Continue Lendo

Em fase artilheira, Pikachu já é um dos maiores goleadores do Vasco neste século



Continue Lendo

Maxi López assume a 4ª posição no Troféu Ademir Menezes



Continue Lendo