Benítez é o 41º estrangeiro contratado pelo Vasco neste século; veja lista



Benítez é o novo reforço do Vasco (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

Dois reforços contratados em 2020, ambos argentinos. Após o sucesso de Maxi López em 2018 e de Fredy Guarín em 2019, o Vasco decidiu repetir a busca no mercado sul-americano atrás de contratações. O primeiro a chegar foi o centroavante Germán Cano, artilheiro do time no ano com 4 gols. O último, anunciado nessa quinta-feira, é Martín Benítez, ex-Independiente.

Com a chegada da dupla para esta temporada, sobe para 41 o número de estrangeiros que assinaram contrato com o clube de São Januário neste século. O primeiro a vestir a camisa foi o sérvio Petkovic, em 2002, seguido pelo seu compatriota e amigo, o goleiro Tadic, em 2004. A partir daí o Cruz-Maltino decidiu apostar majoritariamente em chilenos, contratando os zagueiros Vergara e Frank Lobos  – que sequer atuou -, o meia Lobos – que também não pisou em campo – e os atacantes Villanueva e Pinilla.

Só depois do sucesso de Dario Conca, em 2007, que o Vasco passou a investir mais em atletas oriundos da Argentina. Desde então, jogadores do país se tornaram maioria na lista: 14. Principalmente agora, com as chegadas de Cano e Benítez.

ESTRANGEIROS CONTRATADOS PELO VASCO NO SÉCULO XXI

2001 –
2002 – Petkovic* (Sérvia)
2003 –
2004 – Tadic (Sérvia)
2005 – Vergara (Chile) e Dominguez (Portugal)
2006 – Dudar (Argentina), Cláudio Salinas (Chile) e Frank Lobos (Chile)
2007 – Conca (Argentina) e Martín Garcia (Colômbia)
2008 – Abubakar (Nigéria), Villanueva (Chile) e Pinilla (Chile)
2009 – Benítez (Paraguai) e Pedro Vera (Paraguai)
2010 – Irrazábal (Paraguai) e Matías Palermo (Argentina)
2011 – Chaparro (Argentina)
2012 – Abelairas (Argentina) e Tenório (Equador)
2013 – Yotún (Peru), Guiñazu (Argentina) e Montoya (Colômbia)
2014 – Martín Silva (Uruguai), Aranda (Paraguai) e Maxi Rodríguez (Uruguai)
2015 – Seymour (Chile), Julio dos Santos (Paraguai), Emanuel Biancucchi (Argentina), Riascos** (Colômbia) e Herrera (Argentina)
2016 –
2017 – Manga Escobar (Colômbia), Andrés Ríos (Argentina) e Escudero (Argentina)
2018 – Erazo (Equador), Desábato (Argentina), Maxi López (Argentina) e Oswaldo Henríquez (Colômbia)
2019 – Raul Cáceres (Paraguai) e Fredy Guarín (Colômbia)
2020 – Germán Cano (Argentina) e Martín Benítez (Argentina)

* Petkovic atuaria no Vasco também em 2004
** Riascos faria uma segunda passagem pelo Vasco em 2018



MaisRecentes

Vasco reavaliará jogadores que estão em fim de contrato



Continue Lendo

Dener, e se…



Continue Lendo

Escolha do Vasco por Ramon mantém antiga tradição em São Januário



Continue Lendo