Arthur Sales marca seus primeiros pontos no Troféu Ademir Menezes



Arthur Sales foi decisivo contra o Náutico (Foto: Vitor Brugger/Vasco)

Aos 47 minutos do 2º tempo, o Vasco conseguiu arrancar um empate contra o Náutico, em São Januário. O gol que decretou o 1 a 1 no placar foi anotado por Morato, que estufou as redes pela 4ª vez com a camisa cruz-maltina. A jogada, no entanto, foi construída por Artur Sales, de 19 anos de idade.

O jovem, artilheiro da equipe sub-20 na temporada com 13 gols em 13 jogos, deu um belo passe de calcanhar para o camisa 10 vascaíno marcar. Foi a primeira participação direta em gol do meia-atacante em oito jogos como profissional.

– O que é o Troféu Ademir Menezes?

O TAM é um ranking criado pelo Blog do Garone em 2009, que leva em conta os resultados ofensivos de cada jogador do Vasco durante a temporada, considerando gols, assistências e pênaltis sofridos que foram convertidos.

– Entenda como são computados os pontos:

São computados os gols, as assistências e os pênaltis sofridos por cada jogador, para que se defina o vencedor. Para que se tenha uma disputa justa, cada gol marcado terá peso três, ou seja, valerá três pontos. Já as assistências terão peso dois e os pênaltis sofridos, um. Em caso de empate, levará a melhor quem tiver mais gols marcados. O segundo quesito é o número de assistências.

Obs: Até 2016, gols tinham peso dois e assistências e pênaltis sofridos, peso um. A forma de pontuação foi alterada para a temporada 2017, com a finalidade de aumentar a disputa e valorizar os passes para gol.

VENCEDORES DOS ANOS ANTERIORES
2009 – Élton
2010 – Dodô
2011 – Bernardo
2012 – Alecsandro
2013 – André
2014 – Douglas
2015 – Nenê
2016 – Nenê
2017 – Nenê
2018 – Yago Pikachu
2019 – Marrony
2020 – Cano

Confira como está a disputa do Troféu Ademir Menezes:
Legenda: Posição – Jogador – gols (pts) – assistências (pts) – pênaltis (pts) – total

1º – Germán Cano – 13 (39) – 1 (2) – 0 (0) – 41 pontos
2º – Gabriel Pec – 6 (18) – 1 (2) – 0 (0) – 20 pontos
3º – Marquinhos Gabriel – 4 (12) – 4 (8) – 0 (0) – 20 pontos
4º – Morato – 4 (12) – 3 (6) – 0 (0) – 18 pontos
5º – Tiago Reis – 3 (9) – 1 (2) – 1 (1) – 12 pontos
6º – Matías Galarza – 2 (6) – 3 (6) – 0 (0) – 12 pontos
Léo Matos – 2 (6) – 3 (6) – 0 (0) – 12 pontos
8º – Léo Jabá – 1 (3) – 4 (8) – (0) – 11 pontos
9º – Andrey – 1 (3) – 2 (4) – 0 (0) – 7 pontos
10º – Zeca – 1 (3) – 1 (2) – 0 (0) – 5 pontos
Bruno Gomes – 1 (3) – 1 (2) – 0 (0) – 5 pontos
12º – Cayo Tenório – 0 (0) – 2 (4) – 0 (0) – 4 pontos
13º – Daniel Amorim – 1 (3) – 0 (0) – 0 (0) – 3 pontos
Sarrafiore – 1 (3) – 0 (0) – 0 (0) – 3 pontos
Carlinhos – 1 (3) – 0 (0) – 0 (0) – 3 pontos
MT – 1 (3) – 0 (0) – 0 (0) – 3 pontos
17º – Ricardo Graça – 0 (0) – 1 (2) – 0 (0) – 2 pontos
Laranjeira – 0 (0) – 1 (2) – 0 (0) – 2 pontos
Riquelme – 0 (0) – 1 (2) – 0 (0) – 2 pontos
Castán – 0 (0) – 1 (2) – 0 (0) – 2 pontos
Artur Sales – 0 (0) – 1 (2) – 0 (0) – 2 pontos



MaisRecentes

A derrota após o apito final



Continue Lendo

As estreias de Nenê e Diniz no Vasco



Continue Lendo

Cano se torna o 6º maior artilheiro do Vasco neste século



Continue Lendo