publicidade


Insatisfeito, pivô do Houston Rockets pode aquecer o mercado da NBA

por Lucas Pastore em 15.nov.2013 às 19:22h

A primeira grande movimentação do mercado na temporada 2013/2014 da NBA vem do Texas. De acordo com reportagem do jornal americano Houston Chronicle, o pivô Omer Asik, do Houston Rockets, está insatisfeito por ter perdido seu posto no quinteto titular da equipe e pediu para ser trocado. Dada a perícia defensiva do turco, certamente não deve demorar até que interessados comecem a pipocar.

Asik não está feliz como reserva (Foto: AFP)

Asik não está feliz como reserva (Foto: AFP)

Asik perdeu a vaga de titular por conta da chegada de Dwight Howard, talvez o pivô mais badalado da NBA. O sistema ofensivo do Rockets – que, como já explicado no blog, procura apenas arremessos de três pontos ou no aro, como bandejas e enterradas – funciona melhor com quatro homens abertos e apenas uma presença física no garrafão. O técnico Kevin McHale ainda tentou fazer adaptações no quinteto inicial para testar os dois juntos, mas não achou que os benefícios na defesa e nos rebotes tenham sido o bastante.

Assim, o turco, sem aceitar seu papel como apenas um reserva para os poucos minutos que sobram no descanso de Howard, já pensa em deixar Houston. E certamente tem mercado para isso graças à sua presença defensiva. Nesta temporada, de acordo com dados disponíveis no site oficial da NBA, Asik fez seus oponentes acertarem apenas 36,8% de seus arremessos feitos perto do aro. A marca o colocaria entre o sexto melhor entre os titulares da liga na sua posição. Compare na lista abaixo:

01. Larry Sanders (Milwaukee Bucks) – 25,0%
02. Tiago Splitter (San Antonio Spurs) – 26,8%
03. Joakim Noah (Chicago Bulls) – 30,6%
04. Brook Lopez (Brooklyn Nets) – 31,7%
05. Roy Hibbert (Indiana Pacers) – 33,8%
06. Kendrick Perkins (Oklahoma City Thunder) – 38,5%
07. Nikola Pekovic (Minnesota Timberwolves) – 38,9%
08. Miles Plumlee (Phoenix Suns) – 40,0%
09. Tyson Chandler (New York Knicks) – 40,5%
10. Pau Gasol (Los Angeles Lakers) – 44,4%
11. Al Horford (Atlanta Hawks) – 44,6%
12. Andrew Bogut (Golden State Warriors) – 45,0%
13. Jason Smith (New Orleans Pelicans) – 46,0%
14. Spencer Hawes (Philadelphia 76ers) – 46,3%
15. Dwight Howard (Houston Rockets) – 47,4%
15. Robin Lopez (Portland TrailBlazers) – 47,4%
17. Marc Gasol (Memphis Grizzlies) – 47,7%
18. Jonas Valanciunas (Toronto Raptors) – 48,4%
19. Andre Drummond (Detroit Pistons) – 50,0%
19. Enes Kanter (Utah Jazz) – 50,0%
21. Samuel Dalembert (Dallas Mavericks) – 52,5%
22. Nikola Vucevic (Orlando Magic) – 52,6%
23. J.J. Hickson (Denver Nuggets) – 54,5%
24. DeMarcus Cousins (Sacramento Kings) – 56,9%
25. Chris Bosh (Miami Heat) – 58,5%
26. Anderson Varejão (Cleveland Cavaliers) – 58,8%
27. DeAndre Jordan (Los Angeles Clippers) – 61,1%
28. Kelly Olynyk (Boston Celtics) – 62,0%
29. Marcin Gortat (Washington Wizards) – 62,8%
30. Al Jefferson (Charlotte Bobcats) – 65,4%

(Algumas observações precisam ser feitas sobre a lista. Líder, Sanders está machucado e disputou apenas duas partidas na temporada. Jefferson, o lanterna, se recuperou recentemente de lesão e só entrou em quadra três vezes. Ou seja: a amostragem dos dois é ainda menor do que a dos demais neste início da campeonato, e seus números podem sofrer alterações drásticas – o que valoriza ainda mais a posição do brasileiro Tiago Splitter. Seu compatriota Vitor Faverani, jogador do Celtics, perdeu seu posto como titular recentemente, mas estaria em décimo na classificação, com 44,3%).

Quando penso em possíveis destinos para Asik, a primeira possibilidade que me vem à cabeça é o Dallas Mavericks, também do Texas. O time foi campeão da temporada 2010/2011 com um sistema defensivo montado pelo técnico Rick Carlisle que dependia bastante da presença de Tyson Chandler no garrafão. Depois da saída do pivô, Chris Kaman e Samuel Dalembert, atual titular da posição, não tiveram o mesmo sucesso como âncoras do time.

Mas quem oferecer em troca? O Mavs poderia pensar em ceder Shawn Marion, promovendo o jovem Jae Crowder ao posto de ala titular, mais o novato Ricky Ledo. Assim, o Rockets ganharia mais um defensor de perímetro, que seria útil especialmente com Chandler Parsons fora da quadra, e poderia trabalhar o prospecto para ser um ala-armador de ofício reserva, algo que não existe atualmente no elenco.

No Twitter, Matheus Rodrigues e Thiarles Pedroso também sugeriram uma transação com o New Orleans Pelicans envolvendo Ryan Anderson. Para o Rockets seria ótimo: o ala-pivô e Howard produziram, juntos, 36,7 pontos e 22,2 rebotes por jogo no Orlando Magic da temporada 2011/2012 e foram os dois cestinhas daquele time, provando que se dão muito bem quando escalados juntos no garrafão.

O Pelicans, por sua vez, certamente teria um pivô melhor do que Smith para jogar ao lado de Anthony Davis no garrafão do time. Por outro lado, a equipe tenta atualmente apenas 12,3 bolas de três pontos por jogo, menor marca da NBA. Ceder seu melhor arremessador pode gerar problemas no espaçamento da quadra no futuro, principalmente com a utilização de dois jogadores de presença física no garrafão.

E vocês? Acham que Asik deve ir para qual time? Comentem!

Tags: , , , ,

Um comentário para “Insatisfeito, pivô do Houston Rockets pode aquecer o mercado da NBA”

  1. Paulo Ricardo disse:

    Asik é um jogador confiável de garrafão para atuar mais de vinte minutos por um time, mas com Dwight o rockets não precisa mais do turco e ver os dois jogando juntos é triste, batem cabeça no atque o tempo todo, acho que pra uma troca a melhor opção é tentar trocá-lo com o mavericks que tem o Dalembert pra jogar com o nowitzki mas ele cansa rápido e só joga bem os primeiros quartos do jogo, Asik tem muito mais preparo físico que Dalembert…

Deixe um comentário